View Post

Eduardo Borges Pereira é o novo DTN da Federação

In 2017 by Fpdd0 Comments

Eduardo Borges Pereira é o novo Diretor Técnico Nacional (DTN) da Federação Portuguesa de Desporto para Pessoas com Deficiência (FPDD), cargo que ocupa desde o dia 16 de janeiro, em substituição dos técnicos Ana Catarina Fernandes e Nuno Pimenta.

A FPDD agradece aos anteriores DTN’s a dedicação demonstrada ao longo do ano de 2016, período durante o qual exerceram funções na instituição.

Eduardo Borges Pereira é licenciado em Educação Física, Ramo de Desporto – opção de futebol, pela Faculdade de Motricidade Humana da Universidade Técnica de Lisboa, pós-graduado em Gestão do Desporto pela mesma faculdade e Mestre em Lazer e Desenvolvimento Local pela Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física, da Universidade de Coimbra. Exerceu, desde meados de 2011, a função de Presidente do Conselho de Gestão da Palmela Desporto, E. M. sendo, também, o seu diretor desportivo. Anteriormente foi Chefe da Divisão de Desporto da Câmara Municipal de Palmela, vice-presidente da Direção do Instituto do Desporto de Portugal (IDP), técnico superior da Câmara Municipal de Oeiras, no Setor de Apoio ao Desporto e Técnico superior da Direção-Geral dos Desportos, na Divisão do Desporto de Rendimento.

O novo DTN foi selecionado por concurso público que decorreu entre novembro e dezembro de 2016 e vai exercer esta função até dezembro de 2020.

Desejamos as maiores felicidades!

View Post

Candidaturas para a Ação Qualidade de Vida 2017

In 2017 by Fpdd0 Comments

Está aberto o período de candidaturas para a Ação Qualidade de Vida 2017, que decorre até dia 15 de março.

A Ação Qualidade de Vida é um projeto único e pioneiro no País, que atribui apoios diretos e pontuais num valor anual de 100.000€, a pessoas com deficiência motora e comprovada falta de recursos financeiros. Ao longo de nove edições, este projeto já ajudou a mudar a vida de 223 pessoas com deficiência de todos os pontos do País.

Se tem um projeto que pode mudar a sua vida e necessita de apoio nas áreas da Formação e Emprego, Criação do próprio negócio ou Obras em casa, consulte o Regulamento e faça a candidatura.

Formação e Emprego – aumentar competências e conhecimento para uma melhor integração.

Criação do próprio negócio – estimular o empreendedorismo para uma maior autonomia.

Este ano a Ação Qualidade de Vida celebra a sua 10ª EDIÇÃO e conta com o apoio dos Mecenas Brisa, Continental, Delta, Fundação Calouste Gulbenkian, Novo Banco e Semapa!

 

FPDD organiza I Seminário em Coimbra

In 2017 by Fpdd0 Comments

A Federação Portuguesa de Desporto para Pessoas com Deficiência vai organizar o I Seminário “Conhecer Mais para Incluir Melhor” no dia 10 de fevereiro, na Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física da Universidade de Coimbra, durante o qual serão apresentadas as revistas científicas n.º 2 e 3 e os artigos vencedores da edição de 2016.

Programa:

14:30 – Sessão de Abertura
15:00 – Apresentação dos números 2 e 3 da revista Científica da FPDD
15:20 – Primeiro Painel: Ensino e prática de atividade física em crianças e jovens com deficiência
16:20 – Segundo Painel: Treino e prática de atividade física e desportiva em pessoas com deficiência
17:20 – Cofee break
17:40 – Terceiro Painel: Clubes desportivos – exemplos de boas práticas
Apresentação de projetos de desenvolvimento de clubes desportivos inclusivos
18:45 – Entrega dos Prémios Conhecer mais para incluir melhor
19:30 – Fim da Jornada

 

View Post

Treino solidário no dia 14 de janeiro

In 2017 by Fpdd0 Comments

A RUNning promove um treino solidário, no dia 14 de janeiro entre as 09h30 e as 12h30, no Estádio de Honra do Centro Nacional Desportivo do Jamor, que visa angariar equipamentos desportivos para os atletas da Escola de Atletismo Jorge Pina.

A prova, com a direção técnica do Programa Nacional de Marcha e Corrida e o apoio do atleta olímpico Ricardo Ribas, é igualmente um treino inclusivo no qual podem participar atletas de desporto adaptado… e/ou todas as pessoas com necessidades especiais que queiram experimentar a corrida no âmbito do desporto adaptado, sendo que a direção técnica destes participantes está a cargo dos monitores da Escola de Atletismo Jorge Pina.

O treino é gratuito, mas pedimos a todos os participantes que contribuam com um dos seguintes equipamentos desportivos (novos ou usados) para os atletas da Escola Jorge Pina: sapatilhas, t-shirts, calções e calças de corrida, corta-vento.

Todos os atletas inscritos têm direito a recovery no final do treino, bem como a brindes.

Candidatura de Lisboa a Capital Europeia do Desporto 2021

In 2017 by Fpdd0 Comments

A Câmara Municipal de Lisboa vai apresentar a candidatura da cidade a Capital Europeia do Desporto 2021, evento que considera ser uma oportunidade para “duplicar” o número de todos os que praticam desporto.

“Ter o título de Capital Europeia do Desporto é um elemento que nos faz concentrar esforços na preparação do evento e, nesse processo, vamos multiplicar muito todos aqueles que têm acesso à prática do desporto”, disse o presidente da edilidade, Fernando Medina, na cerimónia de formalização da candidatura.

Para o presidente da autarquia, esta é uma “grande oportunidade que a cidade tem de poder mobilizar todos para a prática desportiva”.

Fernando Medina disse que o investimento que a cidade vai ter de fazer resume-se ao “necessário para a mobilização de todas as entidades: associações, juntas de freguesias e escolas, entre outros”.

“Lisboa tem um conjunto de infraestruturas muito significativas nas mais variadas mobilidades e chegará a 2021 com elas reforçadas. Não haverá necessidades que a cidade tenha de adicionar”, frisou.

O investimento “é de organização e de mobilização para a prática desportiva”, acrescentou o autarca.

Também o presidente da Associação das Capitais Europeias do Desporto, Gian Francesco Lupatelli, lembrou que Lisboa já foi palco de vários eventos desportivos internacionais e considerou que a capital portuguesa “tem condições” para ser escolhida.

Gian Francesco Lupatelli disse, ainda, que Lisboa foi a primeira candidata a Capital Europeia do Desporto 2021 e que Haia, na Holanda, será também candidata.

Segundo os regulamentos, são admitidas cinco candidaturas, terminando o prazo para a sua apresentação a 30 de março de 2017.

Até 31 de julho de 2017 as candidaturas serão apreciadas por três universidades europeias, que vão selecionar as duas finalistas. A vencedora será anunciada a 15 de novembro, no Parlamento Europeu.

Este ano, a Capital Europeia do Desporto é a cidade de Praga, na República Checa.